sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Fingers crossed

A Conferência Climática de Copenhaga, organizada pela ONU, está quase a começar. Do dia 7 ao dia 18 de Dezembro alguns líderes mundiais vão estar presentes para tentar um acordo na redução das emissões poluentes para a atmosfera. O facto de vários presidentes e primeiros-ministros estarem presentes já é um dado positivo, mostra que os países estão realmente comprometidos a chegar a alguma solução.

Já não há muitas esperanças que saia de Copenhaga um substituto do Protocolo de Quioto ou algo semelhante, mas pelo menos que saia um bom acordo nesse sentido. O Protocolo de Quioto expira em 2012 e o tic tac começa a ouvir-se cada vez mais alto.

Adorei a campanha da Greenpeace, em que os líderes mundiais aparecem envelhecidos e a pedir desculpa. A Greenpeace consegue sempre efeitos dramáticos nas suas campanhas.

“A nossa receita para que os líderes mundiais evitem os pedidos de desculpa [no futuro] é simples: cheguem a um acordo justo, ambicioso e com força legal para salvar o clima”, escreve a Greenpeace na sua página. Os cartazes foram divulgados em várias cidades, mas com especial incidência no aeroporto de Copenhaga.

Esperemos que os senhores e senhoras que governam o mundo pensem bem no que vão fazer a Copenhaga. Fingers crossed.

6 comentários:

Beth/Lilás disse...

Bom dia amiga querida!
Sim, estamos torcendo para que estes líderes toquem seus corações e façam o melhor por todos nós.
O cartaz com a cara do Lula envelhecido ficou giro, mas dá até medo, pois o bichinho já é feio agora, imagina véinho! kkkkkkkkkkk

Quero te convidar a ler o post que está neste blog abaixo. Surpresinha!

http://borboletapequeninanasuecia.blogspot.com/

um grande beijo carioca

Heloísa disse...

Isabel,
Também gostei muito dessa propaganda.
Nesse mundo da política descompromissada as coisas acontecem assim. Não é feito o necessário e depois chegam os pedidos de desculpas. Vamos ver se, dessa vez, esses governantes abrem os olhos.
Beijo.

Noémia disse...

Ai o que eu adoro Copenhague!
Também não me importava nada de lá ir este fim de semana.
Quanto aos acordos, às campanhas, às hipocrisias, já estou descrente nas mudanças e nos governantes...devo estar a ficar velha!

Dani disse...

O que quer que decidam, que se transforme nalgum de legislação compulsória. Digo, pois ainda vejo muita gente que vê a questão ambiental como "frescura", e sequer recicla o seu lixo - principalmente as gerações mais velhas por aqui, já ouvi cada absurdo! Infelizmente, grande parte dos seres humanos só aprende na base da lei e da obrigatoriedade. Não é extrair mais dinheiro do povo, é fazer o povo cuidar desta questão assim como sabe que tem de pagar as contas. Porque de nada adiantam conversas, etc, se cada um não colabora. Os governantes estão lá para organizar, nós temos de fazer a nossa parte.
Beijos,

ameixa seca disse...

Também gostei da campanha. É que não depende só de nós... os líderes das maiores potências têm o mundo nas mãos! Oxalá façam um exame de consciência e não pensem só em dinheiro!

Camila Hareide disse...

Muito bom você tocar no assunto... Quanto mais gente se envolve, mais pressão se exerce para que os governantes tomem a atitude correta...

Mas precisamos continuar fazendo a nossa parte sem esperar que eles resolvam todos os problemas!

abraço!