terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Saudades de onde nunca fui

Moçambique sempre foi um país que me fascinou, apesar de nunca lá ter ido. Desde adolescente que queria conhecer Moçambique, a sua gente, os seus costumes e a sua paisagem. Ainda não pude concretizar esse desejo, mas ainda não desisti. Sempre tive saudades de sítios onde nunca fui, Brasil e África no topo da lista. Podem achar estranho usar o termo saudade, mas é isso que sinto.
Ao ler Mia Couto, voltei agora a ter essa saudade de onde nunca fui, essa saudade de Moçambique. Estou a ler Jesusalém, maravilhoso livro de Mia Couto sobre o qual falarei mais tarde para a Academia dos Livros, e as paisagens e as gentes deste livro fazem-me viajar para esse país de terra vermelha.




Pesquisei sobre Moçambique na net e gostei tanto do que vi que fiquei ainda com mais vontade de conhecer melhor esta terra. As paisagens do interior são muito bonitas e as pessoas transmitem muita alegria e dignidade.

A menina da foto central carrega com uma dignidade cortante um irmãozinho nas costas e o vendedor de raízes tem um sorriso tão franco que desconcerta qualquer pessoa.

- Ó amigo, não tem aí nenhuma raíz para curar uma gripe que teima em não passar? É que com tosse, corrimento nasal e dores de garganta custa ainda mais a aguentar o Inverno. E uma raiz anti-nostalgia, a doença que me ataca sempre no Inverno? Essa aposto que tem...

Fotos de Moçambique retiradas daqui

20 comentários:

Beth/Lilás disse...

Isabel minha querida!
Então, estás a amargar uma gripinha!
Nada como um bom chá com mel, limão e alho na hora de dormir.

Quanto à Moçambique deve ser mesmo muito linda, ainda por cima com a fauna africana que é bem diversificada e diferente daqui do meu Brasil, mas quanto ao solo, este vermelho, posso assegurar-lhe qu por aqui também o temos. Lá pelas bandas onde meu filho mora e estuda, no noroeste do Paraná, as terras são assim, vermelhas, lindas, mas sujam os tênis que nem só!

Espero que melhores rapidinho.
grande beijo cario da amiga

B.Lilás

Dani disse...

Adoro tudo que se relaciona com África, e pelas fotos, Moçambique vale uma visita. Ou várias.
Tenho este mesmo tipo de nostalgia com o Japão e Israel.
Tinha com a Grécia e achei que fosse me decepcionar, mas quando lá cheguei superou as minhas expectativas, e tudo me parecia muito natural e familiar.
Uns euro milhões nos faziam bem, não?
E cuide-se, muitos líquidos, principalmente os quentes! Melhoras.
Beijocas!

Luciana Håland disse...

Isabel, melhoras!
Nunca pensei em Mocambique e näo sei nada sobre lá, mas as fotos são realmente lindíssimas, adorei a da menina.

Beijo

Heloísa disse...

Isabel,
Essa saudade do nunca visto é muito interessante.
E gostei de saber que você tem essa saudade do Brasil. Que bom.
Quem sabe assim você aparece para matar suas saudades, e a gente pode se encontrar.
Beijo.

Melhoras da gripe.

Abelha Maia disse...

olá, agora imagina eu que lá nasci...adoro Moçambique, tenho muito orgulho de lá ter nascido, o povo Moçambicano é dos povos de Africa, mais sofrido e que sofre em silêncio, é humilde, nada arrogante, amistoso, simpático.
Sái de lá com 8 anos, já lá voltei, a minha mãe mora na Africa do Sul, na Cidade do Cabo.
O próximo sonho,espero realizar nos próximos 2 anos é ir á Cidade da Beira, onde nasci, e levar o meu filho para ele conhecer.
Bem haja.
bjsssssssssss

ameixa seca disse...

Eu gostava de conhecer São Tomé e Príncipe :) Um dia ainda vais conseguir lá ir!
As melhoras para essa gripe. O meu irmão também está assim, espero que a mim me passe ao lado he he

Abóbora Amarelinha disse...

Isabel as melhoras da gripe, com este frio começam elas a atacar.

Olha o que te posso dizer é que tenho um grande grande amigo em moçambique, e conhecendo-o como conheço, tenho a certeza que da estadia estavas safa...por isso, e falando por ele...a casa está ás ordens.
Eu ainda não fui lá porque os "aerios" são escassos, e tambem porque ainda não fiz Hipnose, para conseguir estar no mesmo lugar de répteis.lol
beijinhos

Noémia disse...

Olha minha querida, eu também sou atacada pela nostalgia da neve e saudades de viver num país nórdico, nesta altura do ano, eu que nunca fui a nenhum deles no Inverno.
Por isso compreendo perfeitamente as saudades que tens desses países onde nunca foste porque eu também as tenho, embora não seja desses propriamente!
Se encontrares a raiz que cura isso, avisa-me por favor!:)

Isabel disse...

Beth, tenho atacado a gripe com muito chá de limão com mel, mas essa do alho nunca tinha ouvido falar, resulta?
Adoraria ver essa terra vermelha!

Dani, África faz um apelo forte, não é? A mãe África!
Também tenho muita curiosidade em relação ao Japão, era um país que gostava de visitar.
Tenho mesmo que começar a jogar no euromilhões!!

Luciana, também adorei a foto da menina :)

Heloísa, espero matar essa saudade nos próximos anos. Vamos nos encontrar sim, claro!

Abelha Maia, espero que realizes esse sonho o mais depressa possível :)

Ameixa, São Tomé deve ser um lugar interessante para visitar, mesmo na linha do Equador, deve ser uma experiência gira :)

Abóbora, muito obrigada pela oferta! Olha que eu apareço em casa do teu amigo :)

Noémia, tu tens nostalgia do frio e eu do calor! Quando eu encontrar a tal raiz, eu dou-te um bocadinho :)

Bjs a todas

Moira disse...

Isabel,
Como eu compreendo o teu fascínio por África.
Eu sou uma sortuda pois já tive a sorte de conhecer S. Tomé e Príncipe e a maior parte do território de Angola, o meu marido é de Moçâmbique mas como veio muito criança não se lembra de nada.
Já eu recordo com muita saudade o cheiro da terra depois das chuvas e o magnifico pôr de sol vermelho.
Tchiii, agora deu uma nostalgia, acho que vou comprar esse livro para oferecer no Natal ao marido, se é sobre Moçambique ele vai adorar.
Não desista dos teus sonhos, um dia vais conseguir concretizá-los.
As melhoras da tua gripe.
Beijinhos
Moira

Liliana disse...

Há lugares que nos atraem sem que saibamos explicar porquê. Eu sinto esse fascínio também por outras paragens. Inexplicável, segundo creio, mas talvez uma boa teoria da reincarnação saiba explicar... :) Beijoca

Claudia disse...

Isabel,

Minha melhor amiga aqui na Noruega é de Moçambique mas viveu em Portugal onde casou-se com um português e agora vivem aqui.

Ela me empurrou vários livros do Mia Couto para ler pois eu até então nunca os tinha lido. Minha querida amiga não se conformava com o fato de eu preferir autores angolanos como o Agualusa, que eu adoro. Ela morre de ciúmes do meu amor por Angola e pelos autores angolanos, país de onde sinto imensa saudade apesar de nunca lá ter estado! Como podes perceber sofremos da mesma doença!!!!

Beijos,

C.

Isabel disse...

Moira,
Angola também está na minha lista. Também adoraria conhecer. São teeras que nos fascinam antes mesmo de lá irmos :)

Liliana, tal como tu as terras dos Celtas também me fascinam, apesar de só ter estado em Inglaterra e nunca na Escócia, Gales ou Irlanda!!! Ai que saudades!

Cláudia,
também gosto de Agualusa e tenho lido mais coisas dele do que de Mia Couto.
Estudei alguns excertos de Mia na faculdade como exemplo de um autor muito difícil de traduzir porque inventa e cria novas palavras constantemente, é uma escrita interessante. Este é o primeiro livro completo dele que estou a ler.
Que bom que não sou a única a sentir saudades de onde nunca fui:)

Bjs a todas

Beth/Lilás disse...

Querida Isabel!

Obrigada pelos votos e vim também para desejar-lhe um Natal de paz e harmonia com seus queridos familiares.
Feliz Natal!

mil beijos da amiga carioca

Helena Teixeira disse...

Olá!
Eu sinto isso pelo Brasil,desde pequeno que só me ouvem dizer: Quero ir po Rio de Janeiro.A minha tara é sobretudo o RJ.Nem família tenho no Brasil,nao sei de onde vem essa ideia.Das novelas nao,porque eu digo isto desde que aprendi a falar e sinto também :)

Aproveito e deixo um convite: participe na Blogagem de Janeiro do blogue www.aldeiadaminhavida.blogspot.com. O tema é: “Vamos ca/ontar as Janeiras e comer o Bolo-Rei!”. Basta enviar um texto máximo 25 linhas e 1 foto para aminhaldeia@sapo.pt (+ título e link do respectivo blog) até dia 8 de Janeiro. Participe. Haverá boa convivência e prémios (veja mais no dia 29/12 no blog da Aldeia)!

Jocas Natalícias
Lena

Xekim disse...

Olá amiga.

Desejo a si e família FELIZ NATAL e PRÓSPERO ANO NOVO com muita saúde.

Beijinhos

Maldonado disse...

Feliz Natal para ti e para os teus.
E já agora, cuidado com o castrol... ;)

Luciana Håland disse...

Isabel, um bom natal para você, tudo de bom sempre.
Obrigada pela companhia esse ano.
Feliz natal!

Isabel disse...

FELIZ NATAL a todos!

Noémia disse...

Bom Natal, Isabelinha! Muita paz e amor, festas felizes e a companhia de quem amas, é o que te desejo!:)