domingo, 9 de maio de 2010

Um Lugar para Viver

Gostei do novo filme de Sam Mendes, Um Lugar para Viver (Away we Go). Simpatizei com aquele casal de trintões com uma vida complicada, ainda com muitos aspectos práticos por resolver, contando apenas com o forte amor que os une, que ao saberem que vão ser pais, partem em busca de um lugar para construir um lar para a sua família.

Gostei também do título em português, apesar de não ser uma tradução literal faz todo o sentido.

8 comentários:

Maldonado disse...

Parece ser um filme tão interessante como o Revolutionary Road...

Dani disse...

Identifiquei-me tanto com ela. Apesar de as nossas circustâncias de vida serem bem diferentes.
Assisti a esse filme há um mês e adorei, que bom que tenha gostado!
PS. Maldonado: o RR é bem pesado, este é um feel-good movie!

Beijos, Isabel, uma ótima semana para ti!

Cláudia M. disse...

Só isto? Estava à espera de uma daquelas tuas críticas cinematográficas completíssimas que eu adoro ler...
ainda bem que me contaste mais alguns pormenores do filme... :))

Gostei tanto da ideia, era isso mesmo que me apetecia (e precisava) fazer agora, sair por aí em busca de um lugar para viver!

Isabel disse...

Maldonado, é bastante diferente de Revolutionary Road, mas muito bom também. Gosto muito da obra de Sam Mendes também por essa diversidade.

Dani, percebo a identificação.
Para além de outros aspectos, a busca do lugar certo também é um pouco a sua busca, não é?
Bjs

Mana, estou com bloqueio criativo, não consigo escrever!
Quando não conseguimos fazer do lugar onde estamos o nosso lugar, somos infelizes. Das duas uma, ou fazes desse o teu lugar, ou então tens mesmo que procurar outro.
Bjs

Cláudia M. disse...

'Love you! :)

Beth/Lilás disse...

Isabel,
Será que este filme tem outro nome por aqui? Ainda não vi nada sobre ele, mas pelo que comentastes deve ser muito interessante. Gosto de temas assim.
beijocas cariocas

Heloísa disse...

Isabel,
Acho que estou meio por fora dos últimos lançamentos, mas vou procurar saber se esse filme está no circuito.
Beijos.

Inside me disse...

Não conhecia esse filme...

Parece interessante...

O nosso lugar é onde nos sentimos bem.

beijo