segunda-feira, 27 de outubro de 2008

A fútil e a rata de biblioteca

As pessoas adoram esteriótipos. Adoram generalizar. É tão fácil pôr etiquetas nos outros, encaixá-los nesta ou naquela gaveta. As mulheres que gostam de ler são umas chatas que usam óculos tipo fundo de garrafa. As mulheres que gostam da série Sexo e a Cidade são umas fúteis, cabecinhas ocas, que não conseguem pensar em mais nada a não ser em roupas e sapatos. Eu acho que isso só revela uma visão muito redutora do mundo e sobretudo das mulheres!

Mas porque é que uma mulher não pode gostar de literatura e de sapatos ao mesmo tempo? E porque é que uma mulher que gosta de seguir as aventuras da Carrie Bradshaw tem que ser obrigatoriamente fútil? Desde quando é que uma mulher culta não pode ser elegante? Ai que cabecinhas tão estreitas...


4 comentários:

Kitty Fane disse...

Acredita. assino por baixo. :-)

ameixa seca disse...

Então eu sou isso tudo... porque adoro livros, adoro sapatos, gosto de me divertir e também de passar um dia enfiada em casa entre livros. Sou uma seca... ameixa seca he he
Quem pensa assim quer é uma rata (no verdadeiro sentido da palavra) analfabeta que é para não moer o juízo a ninguém e para que o homem se sinta superior! E aí eu digo: é por isso que ninguém me leva... vai-se a ver e têm medo das gajas inteligentes, com um sapatinho lindo e maquilhadas :) E eu aqui muito ralada he he

Isabel disse...

Olá Kitty Fane, obrigada pela visita. Foi em parte por alguns comentários no teu blog e no blog da Pipoca que resolvi escrever este post.
Bjs

Ameixa tens toda a razão, muitos homens preferem as burras, porque as inteligentes são mais complexas e dão um bocadinho mais de luta. Mas felizmente ainda existem alguns homens inteligentes que preferem mulheres inteligentes. O teu chegará quando menos esperares.
Bjs

Pipas disse...

Eu se calhar sou a versão "Homem" do que tu descreves, porque tal como vocês, adoro literatura, arte, teatro, etc., etc., esse tipo de coisas que os meus amigos consideram "chatas".
Mas também gosto de coisas boas, roupas, sapatos, etc., gosto de futebol e de sair com os amigos.
Acho que tudo é possível, desde que haja um equilíbrio, tanto discuto uma obra de Lobo Antunes, como a seguir grito pelo "Meu Benfica" eheheh
Beijo